terça-feira, 10 Maio, 2016

TRE arquiva processo contra Alex Lima

Por unanimidade, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) julgou como improcedente a acusação de propaganda eleitoral antecipada, que resultaria no pedido de cassação de mandato do deputado estadual Alex Lima (PTN). “Sempre confiei no poder de investigação do Ministério Público e não podia esperar outro resultado, pois a verdade sempre prevalece”, disse o parlamentar. Na peça apresentada, a Procuradoria Regional Eleitoral da Bahia (PRE) alegou que para divulgar a candidatura de Lima, a prefeita do Conde, Marly Madeirol havia utilizado dinheiro da prefeitura para lançar a candidatura do deputado na cidade. No entanto, as alegações finais do MPF apontam que “não há nos autos provas de que houve propaganda em benefício de candidaturas nas festividades juninas realizadas pela prefeitura”. Com isso, ficou concluído a “improcedência” do pedido de cassação.

Representando do Litoral Norte na Assembleia Legislativa, Alex Lima lamentou as acusações sofridas e agradeceu o apoio recebido. “Sou um servidor público e estou aqui para ser cobrado, sempre. Prezo pelo respeito e dignidade e trabalho de forma transparente. Agradeço o apoio recebido e ressalto que sofrer acusações sem cabimentos, me fortalecem para lutar contra as injustiças”, disse o deputa

Publique o seu comentário

Contato

Palacio Dep. Luis Eduardo Magalhães 1a avenida, Prédio Anexo, gab. 202, Wilson Lins - CEP: 41.745-001 CAB, Salvador/BA.

(71) 3115-7281

alexlima@alba.ba.gov.br