segunda-feira, 24 outubro, 2016

90 anos do ex-governador da Bahia, Dr. Waldir Pires

MOÇÃO Nº 19.769/2016

Moção de congratulações com o ilustre homem público Dr. Waldir Pires, pela passagem do seu 90° aniversário.
O deputado que esta subscreve vem, na forma regimental, inserir na Ata dos trabalhos desta Casa Legislativa votos de congratulações com o ilustre homem público Dr. Waldir Pires, pela passagem do seu 90° aniversário.

Nascido em Acajutiba, em 21 de outubro de 1926, e criado em Amargosa, Francisco Waldir Pires de Souza, conhecido por todo Brasil como Waldir Pires, já inscreveu o seu nome na história da Bahia, como um dos maiores homens públicos do nosso estado.

Filho de José Pires de Souza e Lucíola Figueiredo Pires de Souza, aos 15 anos e ainda estudante ginasial no Colégio Clemente Caldas, em Nazaré, já ministrava aulas de datilografia e latim, visando reunir os recursos necessários ao curso preparatório para a faculdade.

Aos dezesseis anos mudou-se para a capital, onde ingressou na Faculdade de Direito, graduando-se como orador da turma. Voltando-se para a vida pública, foi Secretário Estadual no governo de Régis Pacheco, em 1950, ocasião em que se casou com D. Yolanda Avena.

Em 1954 elegeu-se Deputado Estadual e em 1958 tornou-se Deputado Federal, sendo escolhido Vice-Líder do governo Juscelino Kubitschek. Em 1963, era Coordenador dos Cursos Jurídicos e Professor de Direito Constitucional da Universidade de Brasília e foi convidado pelo Presidente João Goulart para o cargo de Consultor Geral da República, que ocupava quando eclodiu a revolução militar, em 31 de março de 1964.

Forçado a exilar-se, viveu com a família no Uruguai e na França, onde foi indicado para lecionar Direito Constitucional Comparado e Ciências Políticas em Dijon e em Paris. Voltou ao Brasil em 1970, ocupando-se de uma empresa particular até à queda do AI 5, quando retomou os seus direitos políticos e retornou à vida pública.
Foi Ministro da Previdência Social em 1985, elegeu-se Governador da Bahia em 1986 e aceitou candidatar-se a Vice-Presidente da República em 1989, compondo a chapa de Ulysses Guimarães, derrotada por Fernando Collor.

Elegeu-se Deputado Federal em 1990, com a maior votação já registrada no estado até então, e voltou a ser eleito para o cargo em 1998. Em 2002 tornou-se Ministro Chefe da Controladoria Geral da União (CGU) e em 2006 assumiu o Ministério da Defesa. Em 2012, já aos 86 anos, foi eleito Vereador de Salvador, mostrando mais uma vez a confiança que merece do seu povo.

Esta é, em resumo, a história deste ilustre baiano que em 2008 recebeu o título de Cidadão Benemérito da Liberdade e da Justiça Social João Mangabeira, concedido a brasileiros reconhecidamente dedicados às causas nobres, humanas e sociais que tenham resultado no desenvolvimento político e socioeconômico do Brasil, melhorando significativamente a vida das pessoas. Uma justa homenagem, a quem tanto já fez pela Bahia e nossa gente!

Dê-se ciência da presente ao homenageado e sua família e aos órgãos de imprensa, para divulgação.
Sala das Sessões, 24 de outubro de 2016
Deputado Alex Lima

Publique o seu comentário

Contato

Palacio Dep. Luis Eduardo Magalhães 1a avenida, Prédio Anexo, gab. 202, Wilson Lins - CEP: 41.745-001 CAB, Salvador/BA.

(71) 3115-7281

alexlima@alba.ba.gov.br